Máximo Hero de Alexandria

Século IV d.C. Cínico cristão que lutou contra o ariano Lúcio depois da morte de Atanásio. Enquanto ainda era amigo de Gregório de Nazianzo, que fizera um discurso elogioso a seu respeito (Or. 25), ele ganhou a confiança do bispo Pedro II e conseguiu ser secretamente consagrado bispo de Constantinopla. Isso levou à ruptura com Gregório e a várias referências hostis nas Carmina e Epístolas deste último.

A consagração de Máximo foi delarada não-ecumênica no Concílio Ecumênico de Constantinopla em 381. R. Weijenborg, em Is Evagrius Ponticus the Author of the Longer Recension of the Ignatian Letters?, Antonianum 44 (1969) 339-47, propõe, de forma pouco convincente, a identificação de Máximo Hero, Evágrio de Antioquia e Evágrio Pôntico. Cf RE Supl. 5 (1931) col. 676 (Ensslin).


Artigo Relacionado: 

Lista de Filósofos Cínicos

Filósofo por paixão. Ex-seminarista da Ordem dos Franciscanos. Humanista. Áreas de interesse: Cinismo; materialismo francês; Sade; Michel Onfray; ética. Idealizador e escritor do Portal Veritas desde dez/2005.